Piloto inova na produção de moto aquática sustentável e exporta o Giro X para cinco países

Top 10 do mundo e engenheiro de formação, Bruno Jacob desenvolve o equipamento com 95% de materiais recicláveis

O piloto baiano Bruno Jacob, atual 7º colocado no ranking Mundial de Jet Ski Freeride, é engenheiro e resolveu inovar e desenvolver, junto com sua equipe de profissionais da BJ Industry e seu técnico Clayton Lopes, seu próprio equipamento para as inúmeras competições internacionais que participa ao redor do mundo.

Depois de defender sua tese a respeito da produção de cascos para motos aquáticas com o uso de materiais recicláveis e concluir seu TCC na Universidade de Salvador, o piloto decidiu investir no projeto e em apenas seis meses, realiza a exportação do Giro X para cinco países. No Brasil, o equipamento está sendo comercializado em todas as regiões, de Norte a Sul.

“Fizemos um projeto de um produto durante 18 meses, buscando um produto com qualidade, mais leve, resistente, estável e fácil de executar as manobras, que fosse mais barato e ainda sustentável. Além disso, nosso produto é bem customizado para cada cliente, ou seja, é possível escolher a cor, a modalidade que vai usar o equipamento, etc. Ele ainda é bem flexível, pois aceita diversos tipos de mecânicas ao redor do mundo”, detalha Bruno Jacob.

Além de exportar para Estados Unidos, Inglaterra, Peru, Argentina e Austrália, o piloto e engenheiro pretende consolidar e ampliar sua produção para 2014, inclusive para o mercado brasileiro.

“Tenho muitos planos para os próximos anos, mas a principio, é seguir na mesma linha desse ano com a produção cada vez crescendo mais com qualidade. Tenho como objetivo também ajudar a muitos pilotos iniciarem no esporte, popularizar cada vez mais nossa modalidade no Brasil e continuar levando o nosso produto a diversos países pelo mundo. Estamos formando uma equipe de bons atletas para representar a nossa marca. Vem muita surpresa legal por aí” comenta o atleta e empreendedor baiano.

Respeitado em todo o mundo em razão de seus inúmeros resultados nas competições (recentemente ficou em 3º no Rip N´Ride, na Austrália) em que participa há 10 anos, o piloto tem como objetivo popularizar o esporte, tornando-o mais acessível a um número maior de pessoas que admiram a radical modalidade. O Giro X tem um custo 40% inferior aos jet skis concorrentes e mantém o mesmo nível tecnológico.

Bendita Ideia Comunicação e Imagem
Michele Barcena Jornalista e especialista em Marketing Esportivo (11) 9 5020-4110 (11) 9 7093-7443
imprensa@benditaimagem.com.br
www.benditaimagem.com.br

Category Notícias